terça-feira, 1 de julho de 2008

Apresentação Turma 2

Apresente-se! Fale-nos um pouco de você e nos diga quais são suas expectativas para esse curso.

9 comentários:

Alcivan Nunes de Medeiros disse...

Sou Graduado em Química Industrial, Licenciado em Química e Especialização em Engenharia de Petróleo. Atua na área da educação e na área industrial a bastante tempo, aproximadamente a 20 anos.
Espero que o curso nos proporcione bastante conhecimentos e possibilidades para melhorarmos a educação pública.

Pessoa Neto disse...

Sou Pessoa neto da cidade de Itajá, professor da Escola João Tertulino Lopes. Espero melhorar os meus conhecimentos na área da informática para poder proporcionar ao aluno aulas mais interessantes e que venham facilitar o processo de ensino aprendizagem na minha escola.

Marinaidy Fernandes Torres disse...

Sou Graduada em Ciências biológicas, leciono na Escola Estadual Alcides Wanderley - Carnaubais. Estou gostando muito desse primeiro encontro e tenho a esperança de que o restante será muito melhor.

auciélia disse...

Olá pessoal! sou licenciada em Ciências Biológicas pela UERN-Mossoró, atua na E.E.J.K Assu.Gosto de participar de eventos que tragam melhorias para incentivar nossos alunos a gostar de aprender. Espero que esta formação contribua para tal finalidade.

"... eu sou do tamanho do que vejo.
E não do tamanho da minha altura."

Tchau!

Maria Madalena Lopes disse...

Vimos que avaliação vista, dentro de uma ótica estreitamente cognitiva, de como as pessoas aprendem e pensam (...) caracteriza uma concepção de ensino aprendizagem diversa, da qual deveria ser repensado no sistema avaliativo educacional, fazendo aqui valer, o processo teoria e prática, onde objetivamos dados não quantitativos mais qualitativos. (Já na referência da avaliação aprendizagem, segundo BOUD; FELLETTI, 1998). São utilizados com freqüência, problemas de modo geral, relacionados a diferentes soluções, que permite diferentes interpretações, isso já nos mostra o quanto à tecnologia articula os problemas dinâmicos desse eixo temático. Dentro deste contexto avaliativo da educação (errou/acertou) o nosso alunado, evidência, metas, ações diferenciadas, ao o uso de feedbacks... E outros. Permitindo assim aos mesmos ter Exames em larga escola. Pois essa postura desenvolve a conscientização do próprio aluno, para a auto-avaliação. Da ir custamos neste estudo,que o método mais viável é a capacidade de trabalhar colaborando uns com os outros,deixando fluir os quatros pilares da educação,..aprender..aprender..aprender a ser...etc.Até porque esse tipo de instrumento demonstra a valorização desse trabalhar cooperativo.

Maria José de Araújo disse...

Vimos que avaliação vista, dentro de uma ótica estreitamente cognitiva, de como as pessoas aprendem e pensam (...) caracteriza uma concepção de ensino aprendizagem diversa, da qual deveria ser repensado no sistema avaliativo educacional, fazendo aqui valer, o processo teoria e prática, onde objetivamos dados não quantitativos mais qualitativos. (Já na referência da avaliação aprendizagem, segundo BOUD; FELLETTI, 1998). São utilizados com freqüência, problemas de modo geral, relacionados a diferentes soluções, que permite diferentes interpretações, isso já nos mostra o quanto à tecnologia articula os problemas dinâmicos desse eixo temático. Dentro deste contexto avaliativo da educação (errou/acertou) o nosso alunado, evidência, metas, ações diferenciadas, ao o uso de feedbacks... E outros. Permitindo assim aos mesmos ter Exames em larga escola. Pois essa postura desenvolve a conscientização do próprio aluno, para a auto-avaliação. Da ir custamos neste estudo,que o método mais viável é a capacidade de trabalhar colaborando uns com os outros,deixando fluir os quatros pilares da educação,..aprender..aprender..aprender a ser...etc.Até porque esse tipo de instrumento demonstra a valorização desse trabalhar cooperativo.

FABIO CARECA disse...

o OBJETO TABALHADO FOI FUNÇOÕES AFIM, ONDE O TITULO , ESTA BASTANTE INTERESSANTE, POIS DA UMA NOÇÃO CLARA DE COMO TRABALHAR A CIRCUNFERENCIA E SEUS QUADRANTES, ALEM DE MOSTRAR COM CLAREZA OS MEIOS DE TRABALHAR POLIGONOS, E ANGULOS DENTRO DE UM TRIANGULO RETANGULO.

luciene alcântara disse...

O objeto de aprendizagem sobre os microorganismo foi muito interessante pós mostra através de imagens dos microorganismos como os vírus, bactérias, protozoários e fungos, de uma forma inovadora, onde o aluno consegui ver as imagens do cotidiano e tendo os microorganismos ao redor, sendo, assim fica fácil se prevenir contra esses seres e a aprendizagem terá mais exito. Turma 2

jose luis disse...

A que grupo pertenço.

o OA abre possibilidades de interação com o conteúdo, de maneira clara,apresenta conceitos sintéticos porém eficazes,pois leva o aluno a refletir sobre o que foi trabalhado em sala de aula e conseqüentemente da sua correta aplicação. A atividade é orientada de acordo com cada elemento reação e função e deixa o aluno decidir de acordo com seu conhecimento com opção de refazer.