domingo, 17 de agosto de 2008

PLANO DA AULA MINISTRADA NO QUARTO ENCONTRO PRESENCIAL

Pessoal,Aqui vocês podem postar o plano da aula que vocês elaboraram para ministrar no quarto encontro presencial. Nos sites http://revistaescola.abril.com.br/online/planosdeaula/ e http://www.cdof.com.br/aulas.htm vocês vão encontrar orientações e modelos de planos de aula. Desde já, parabéns pelo esforço e uma boa semana!
Socorro e Regina.

20 comentários:

Turma 08 disse...

plano de aula
Introdução
Este módulo busca discutir a questão da energia através do tema da Química dos
Alimentos. Nesse contexto, essa primeira atividade tem como objetivo a sensibilização dos
alunos para o tema, através de material divulgado na mídia em geral, promovendo uma
discussão a respeito dos malefícios de uma alimentação inadequada e de como a Química
pode contribuir para o estudo do problema, e propondo aos estudantes que façam uma
análise de sua alimentação. Assim, serão abordados conceitos como quantidade x
qualidade, medidas, massa e volume.
Objetivo
- Sensibilizar os alunos, através de informação da mídia sobre os problemas gerados pela
alimentação inadequada, para envolvê-los nos assuntos a serem trabalhados no módulo;
- identificar situações problemáticas;
- compreender textos;
- registrar dados em tabelas.
Tempo provisório para realizar a aula.
50 minutos.
Na sala de aula
- Dividir a turma em grupos, onde cada grupo pesquisa temas relacionados a alimentação usando a internet.
Temas
- Alimentos, valor calórico, desnutrição, inseticidas, adubos, Conservação dos alimentos.
- Pesquisar a qualidade da merenda em sua escola e alimentação saudável.
Questões para discussões
Após a pesquisa e debate dos temas em sala de aula poderão ser debatidas as seguintes questões:
"Será que sua alimentação é adequada? Você não poderia ser um candidato
à fome ou à obesidade? Nossa alimentação é semelhante?". Dessa forma, o
professor convida o aluno a levantar um problema e sugerir uma hipótese de
trabalho, que o acompanhará no decorrer do conteúdo.
Na sala de computação
- Fornecer saites.
- Usar objetos de aprendizagem na resolução de citações problemas problemas.
Trabalhar a interdisciplinaridade
O tema escolhido para esta atividade favorece uma abordagem interdisciplinar, uma vez que
a nutrição é uma área que congrega conhecimentos de várias ciências básicas, em especial a Química, a Biologia e a Matemática. Tratando-se de um problema social, são estabelecidas relações com as ciências humanas e se pode fazer uma abordagem histórica do problema ou discutir regionalmente, considerando-se as particularidades do local onde está a escola. Por trabalhar com textos, é possível ainda um trabalho conjunto com a área de Língua
Portuguesa.
Antônio Fernandes, Édson Fernandes e Ocelino.

Juliana Karla,João Batista e Eronildes Neto disse...

Plano de aula
disciplina:Física
Objeto de aprendizagem:ondas
OBJETIVOS:
Fazer os alunos entenderem o conteúdo ONDAS utilizando o objeto de aprendizagem escolhido.
Mostrar como utilizar o computador na exploração dos conceitos teóricos e experimentais de ondas, usando o mesmo como ferramenta didática para melhor entendimento do conteúdo abordado.
Revelar ao aluno como o conteúdo de ondas pode ser entendido do ponto de vista científico e do cotidiano a partir de aplicações gráficas.
CONTEÚDOS:
Ondas mecânicas, ondas longitudinais e transversais;
Frequência e periodo das ondas;
Amplitude, comprimento e velocidade de propagação das ondas;
HABILIDADES:
Procurar fazer com que o aluno possa se familiarizar com os conteúdos físicos relacionando ciência e tecnologia.
Habilitar o aluno a relacionar as equações utilizadas no conteúdo de ondas, acrescido do embasamento experimental utilizando como ferramenta pedagogica o computador.
COMPETÊNCIAS:
Tornar o aluno capaz de calcular o comprimento de ondas, a amplitude e a sua velocidade de propagação.
Capacitar o aluno á compreender a relação existente entre a frequência e o período de uma onda mecânica.
METODOLOGIA:
Aulas expositivas;
Aulas praticas utilizando o computador;
Aulas interativas;
CRITÉRIOS AVALIATIVOS:
Avaliar a participação do aluno no tema em questão;
O desempenho da equipe.
juliana karla,João Batista e Eronildes Neto.
turma 08.

Lazaro, Cicero, Hugo, Sobrinho e Ana disse...

Plano de Aula do 4º Encontro Presencial

Disciplina: Matemática
Porfessores: Lázaro Gama, Hugo Brito, Cícero Marinho, Sobrinho Leite e Ana Lúcia de Oliveira.
Definição: Permutação simples é todo arranjo de n elementos tomados n a n.

Objetivo: Interpretar problemas e reconhecer que se trata de uma permutação simples.
Publico Alvo: Alunos do 2º ano do Ensino Médio
Tempo Previsto: 4 horas - aulas
Metodologia:
* Aula Expositiva
* Laboratório de Informática

Avaliação: Avaliar as respostas das atividades propostas pelo professor em sala de aula e das atividades do material de apoio da RIVED.

Adaécio, Francenildo, Antônio, Gilberto e Everton disse...

PLANO DE AULA A SER APRESENTAÇÃO DO CURSO SOBRE OBJETOS DE APRENDIZAGEM


TEMA DA AULA: Leis de Newton


INTRODUÇÃO


Concordo com o guia do professor no tempo para a realização das atividades, que os alunos devem fazer suas próprias simulações e anotar os resultados, e com a forma de avaliação proposta por este material de apoio. No entanto, discordo das sugestões de como encaminhar a aula. Dentro daquilo que já expus em outros momentos, inclusive nos resumos dos textos, acredito que os objetos de aprendizagem são um bom recurso para a prática de sala de aula desde que sirvam para algo diferente, dentro de uma perspectiva construtivista. Se for para chegar na sala, ministrar uma aula totalmente dogmática, tradicional com definições e conceitos e só depois levar os alunos para ver como isso ocorre na prática – que é o que o guia do professor do objeto sugere -, não terá grande mudança efetiva na aprendizagem do aluno. Fiz o meu plano considerando isso que falo, e, portanto, com algumas alterações no que sugerem o objeto e o guia do professor.


PLANO DE AULA


Decidi que esta seria uma aula inicial sobre leis de Newton. Logo, usarei as simulações deste objeto para fazer o aluno perceber diferentes valores para as grandezas seguintes quando conservamos algumas e alteramos outras: massa (quantidade de matéria, já que ainda não defini massa como grandeza física), atrito ( que acontece pelo contato entre superfícies – neste caso piso e rodas), força (a noção que trazem consigo, intuitiva, já que também não defini ainda enquanto grandeza física), e aceleração (esta grandeza já foi definida, já que este assunto é dado após movimentos).
Dentro dessa forma de entender, a força que empurra os dois carrinhos deve ser a mesma, portanto, ao preencher o valor para o desafiante, deve-se colocar o valor que foi gerador para o “carrinho do computador”. Isso porque somente dessa forma teremos como ver as relações entre atrito, força resultante (apesar de não ter esse conceito, mas ele vê o rendimento do carrinho e a grandeza força resultante quantifica justamente esse entendimento) massa e aceleração (que será gerado no final). Pedir-se-á aos alunos que façam basicamente 3 simulações e anotem os valores:

1ª Simulação - Com massas totais (chassis + motorista) diferentes para cada carrinho, roda e pista iguais para cada carrinho;

2ª Simulação – Com rodas diferentes para cada carrinho, massa e pista iguais para cada carrinho;

3ª Simulação – Com pistas diferentes (asfalto para um e terra para outro) para cada carrinho, massa e rodas iguais.

Ao final de cada simulação, quando o aluno clicar em “Ver resultados” no canto superior esquerdo da tela, aparece os valores de aceleração para cada carrinho e a Força resultante (deve ser pedido que olhem apenas isso, ou seja, a parte inferior da folha de resultados). Algumas vezes quando se mandar começar a simulação aparece uma caixa de texto dizendo que a força resultante foi negativa. Isso também deve ser usado para que o aluno pense e depois, no momento seguinte aos resultados, possa tirar suas conclusões e fazer associações, construindo assim conhecimento.
Usando o quadro de resultados das simulações, passa-se, ai sim, a discutir com os alunos e a construir os conceitos e montagem das expressões matemáticas que estão na parte superior da folha de resultados.

Anônimo disse...

Erivan, Sebastiao, Alderina e Lindomar.

Plano de Aula - Roteiro de Apresentação.

Tema: Soluções - Concentrações Simples.

Público Alvo: 2º ano do ensino médio.

Objetivos:
- Conhecer os elementos necessários para se trabalhar com concentração simples.
- Compreender os conceitos de massa, volume, soluto, solvente, matéria e transformações de unidades.

Recursos:
Ambiente Virtual (uso do computador)

Metodologia:
Aula expositiva com manipulação do programa RIVED

Avaliação:
Quantitativa- resolução de problemas.
Qualitativa: explicação dos procedimentos adotados.

Jonas Terceiro e Reginaldo Rego disse...

PLANO DE AULA DO 4º ENCONTRO PRESENCIAL
DIACIPLINA:QUÍMICA
PROFESSORES: JONAS TERCEIRO E REGINALDO REGO
Assunto: Titulação ( análise volumétrica)
Público alvo: Alunos do 2º Ensino Médio
Tempo previsto:4 aulas-horas ( duas teóricas e duas práticas)
Objetivo:Que o aluno compreenda os conceitos de ácidos e base e suas reações, e que ao final destas aulas, eles tenham os conhecimentos necessários para se trabalhar uma análise volumétrica ( titulação).
Metodologia:
Aulas espositivas: Abordando o conteúdo analisado e com descursões em grupo com questões sobre o assunto estudado.
Aulas práticas: Utilizando-se do laboratório de informática para a realização de simulações de titulometria.
Avaliação:A avaliação dos alunos deve ser quantitativa e qualitativa .Avaliar os alunos no entendimento do tema em questão. O desempenhor e interesse do grupo, e a capacidade deles de raciocínio nas questões teóricas e práticas.
Bibliografias: O livro didático de química adotado pela escola ( Ricardo Feltre) e o material de apoio do curso e as simulações do RIVED.

GRUPO DE FÍSICA - TURMA 14 disse...

PLANO DE AULA RELATIVO AO 4º ENCONTRO PRESENCIAL

DISCIPLINA:FÍSICA
PROFESSORES: ERIVELTON MATIAS, JACÓ RAULINO, NEY E HERMES
Assunto: Por que as coisas têm peso?
Público alvo: Alunos do 3º Ensino Médio
Tempo previsto: 02 aulas (uma teórica e outra prática)
Aula prática: Laboratórios de Informática e Física
AULA TEÓRICA: Exposição dos conteúdos
Objetivo: Que o aluno possa perceber a diferença entre a massa e o peso, que são grandezas físicas diferentes, geralmente confundidas.
Avaliação:A avaliação dos alunos deve ser diagnóstica e qualitativa.
Biliografia: Alberto Gaspar, Ramalho

Kaio, Lamarck, Marcos, Wendel, Francileide, Luis Lopes, Lúcia Rodrigues, Geraldo Moises e maria da conceição disse...

Resolvendo equações através da balança

Introdução

Esta atividade pretende formar conceito de equação de uma variável a partir dos conceitos de igualdade de dois membros( pratos da balança) baseada na idéia de equilíbrio. A utilização do computador nesta atividade possibilitará um estímulo maior para o ensino- aprendizagem da matemática, contribuindo para facilitar o entendimento dos procedimentos de resolução de equações do 1º grau.

Objetivos

-conhecer o significado e encontrar o valor de uma incógnita;
-desenvolver no aluno, conceitos básicos para o estudo de equações do 1º grau;
- planejar estratégias de solução de problemas.
- propor ao aluno através do conceito do funcionamento da balança de dois pratos, uma melhor compreenção das técnicas de resolução de uma equação do 1ª grau;

METODOLOGIA

Inicialmente a aula será expositiva dialogada onde será abordado o conceito e a definição de equação do 1º grau. Em seguida,os alunos utilizarão os computadores para realizarem várias atividades que serão descritas abaixo:

Atividade 1
Nesta atividade, o aluno vai observar que ao colocar diferentes quantidades de tomate, em cada prato da balança, está vai ficar em desequilíbrio, só vai manter o equilíbrio se for colocado um mesma quantidade de tomate em cada um de seus pratos.

Atividade 2
Nesta atividade, o aluno terá como desafio, encontrar o valor do pacote de tomate. Sugerimos que o aluno possa ir colocando tomates, no prato da balança, até que ela se mantenha em equilíbrio, nas diferentes fases.

Atividade 3
Nesta atividade, o aluno terá como desafio, encontrar o valor do pacote de tomate, e para isso ele terá que deixar em um lado somente o pacote e no outro lado uma quantidade de tomates, que vai manter o equilíbrio da balança. Este desafio será vencido, quando tivermos em um lado da balança o pacote de tomates, e no outro lado uma quantidade de tomates que mantenha o equilíbrio da balança.
Atividade 4
Nesta atividade, sendo que temos um valor para o pacote de tomates, supondo que este esteja cheio. Nas diferentes fases a seguir, vão faltar alguns tomates em cada pacote, para que este esteja cheio. O aluno terá como desafio encontrar a capacidade de cada pacote, para isto ele terá que completar o pacote e a quantidade de tomates que for colocada no pacote terá que ser colocada no outro lado da balança.

RECURSOS DIDÁTICOS


 quadro branco e lápis;
 computadores;

 programas e softweres;
 material impresso.


AVALIAÇÃO

O professor deverá observar o envolvimento dos alunos na atividade e propor que os alunos anotem o que aprenderam em cada uma das fases da atividade e resolver em grupo os exercícios propostos.

MAtemática-turma 14 disse...

Disciplina: matemática
turma: 14 - Kaio, Lamarck, Marcos, Francileide,Wendel, Luis Lopes, Lúcia Rodrigues, Geraldo Moises e Maria da Conceição



Resolvendo equações através da balança

Introdução

Esta atividade pretende formar conceito de equação de uma variável a partir dos conceitos de igualdade de dois membros( pratos da balança) baseada na idéia de equilíbrio. A utilização do computador nesta atividade possibilitará um estímulo maior para o ensino- aprendizagem da matemática, contribuindo para facilitar o entendimento dos procedimentos de resolução de equações do 1º grau.

Objetivos

-conhecer o significado e encontrar o valor de uma incógnita;
-desenvolver no aluno, conceitos básicos para o estudo de equações do 1º grau;
- planejar estratégias de solução de problemas.
- propor ao aluno através do conceito do funcionamento da balança de dois pratos, uma melhor compreenção das técnicas de resolução de uma equação do 1ª grau;

METODOLOGIA

Inicialmente a aula será expositiva dialogada onde será abordado o conceito e a definição de equação do 1º grau. Em seguida,os alunos utilizarão os computadores para realizarem várias atividades que serão descritas abaixo:

Atividade 1
Nesta atividade, o aluno vai observar que ao colocar diferentes quantidades de tomate, em cada prato da balança, está vai ficar em desequilíbrio, só vai manter o equilíbrio se for colocado um mesma quantidade de tomate em cada um de seus pratos.

Atividade 2
Nesta atividade, o aluno terá como desafio, encontrar o valor do pacote de tomate. Sugerimos que o aluno possa ir colocando tomates, no prato da balança, até que ela se mantenha em equilíbrio, nas diferentes fases.

Atividade 3
Nesta atividade, o aluno terá como desafio, encontrar o valor do pacote de tomate, e para isso ele terá que deixar em um lado somente o pacote e no outro lado uma quantidade de tomates, que vai manter o equilíbrio da balança. Este desafio será vencido, quando tivermos em um lado da balança o pacote de tomates, e no outro lado uma quantidade de tomates que mantenha o equilíbrio da balança.
Atividade 4
Nesta atividade, sendo que temos um valor para o pacote de tomates, supondo que este esteja cheio. Nas diferentes fases a seguir, vão faltar alguns tomates em cada pacote, para que este esteja cheio. O aluno terá como desafio encontrar a capacidade de cada pacote, para isto ele terá que completar o pacote e a quantidade de tomates que for colocada no pacote terá que ser colocada no outro lado da balança.

RECURSOS DIDÁTICOS


 quadro branco e lápis;
 computadores;

 programas e softweres;
 material impresso.


AVALIAÇÃO

O professor deverá observar o envolvimento dos alunos na atividade e propor que os alunos anotem o que aprenderam em cada uma das fases da atividade e resolver em grupo os exercícios propostos.

Nerônica Alves disse...

Em virtude dos desencontros ocorridos na rede, ja que todos do grupo eram de cidades diferentes e trabalham em horarios diferentes tambem, nao foi realizado o plano, sem contar que alguns aplicativos nao abriam. Nos poucos contatos foi apenas sugeridos temas, que poderiam ser planejados, como o do estudo de equações com balanças, algebra dos vitros, o tangran e o plano cartesiano. Contudo as ideias nao se concretizaram. Essa foi uma dificuldade minha e do grupo que poderia ser tida como sugestão pra os proximos encontros em que pudessem realizar algo com todos da mesma cidade, já que tem tanta atividade interdisciplinar.

Edi Borges disse...

TEMA: Números racionais (Q)
Grau em que o tema será utilizado
EDUCAÇÃO BÁSICA - FUNDAMENTAL 7º e 8º ANOS - ENSINO MÉDIO 1ª SÉRIE

Objetivo
O objetivo básico é que o aluno se familiarize com os números racionais, a partir da análise e interpretação ( frações, mistos, decimais e dízimas periódicas)
Habilidades a serem alcançadas:
Ao final, o aluno deverá ser capaz de:
. Identificar, representar e ler números fracionários.
. reconhecer todos as maneiras de se representar as frações.
. escrever e comparar números racionais.
Conteúdos abordados:
. números naturais
. números inteiros
. operações fundamentais ( adição, subtração, multiplicação e divisão)
Recursos didáticos:
Criar peças de um jogo de dominó, onde os números aparecerão em forma de números fracionários, mistos, decimais e dízimas.
METODOLOGIA
O tema assume o formato de um jogo a ser disputado entre dois ou mais alunos jogadores, semelhante ao dominó...
AVALIAÇÃO
Considerar-se-á que o aluno ganhou a partida e menos errou na busca de frações equivalentes , terá entendido o assunto.

Edi Borges disse...

TEMA: Números racionais (Q)
Grau em que o tema será utilizado
EDUCAÇÃO BÁSICA - FUNDAMENTAL 7º e 8º ANOS - ENSINO MÉDIO 1ª SÉRIE

Objetivo
O objetivo básico é que o aluno se familiarize com os números racionais, a partir da análise e interpretação ( frações, mistos, decimais e dízimas periódicas)
Habilidades a serem alcançadas:
Ao final, o aluno deverá ser capaz de:
. Identificar, representar e ler números fracionários.
. reconhecer todos as maneiras de se representar as frações.
. escrever e comparar números racionais.
Conteúdos abordados:
. números naturais
. números inteiros
. operações fundamentais ( adição, subtração, multiplicação e divisão)
Recursos didáticos:
Criar peças de um jogo de dominó, onde os números aparecerão em forma de números fracionários, mistos, decimais e dízimas.
METODOLOGIA
O tema assume o formato de um jogo a ser disputado entre dois ou mais alunos jogadores, semelhante ao dominó...
AVALIAÇÃO
Considerar-se-á que o aluno ganhou a partida e menos errou na busca de frações equivalentes , terá entendido o assunto.

Edi Borges disse...

TEMA: Números racionais (Q)
Grau em que o tema será utilizado
EDUCAÇÃO BÁSICA - FUNDAMENTAL 7º e 8º ANOS - ENSINO MÉDIO 1ª SÉRIE

Objetivo
O objetivo básico é que o aluno se familiarize com os números racionais, a partir da análise e interpretação ( frações, mistos, decimais e dízimas periódicas)
Habilidades a serem alcançadas:
Ao final, o aluno deverá ser capaz de:
. Identificar, representar e ler números fracionários.
. reconhecer todos as maneiras de se representar as frações.
. escrever e comparar números racionais.
Conteúdos abordados:
. números naturais
. números inteiros
. operações fundamentais ( adição, subtração, multiplicação e divisão)
Recursos didáticos:
Criar peças de um jogo de dominó, onde os números aparecerão em forma de números fracionários, mistos, decimais e dízimas.
METODOLOGIA
O tema assume o formato de um jogo a ser disputado entre dois ou mais alunos jogadores, semelhante ao dominó...
AVALIAÇÃO
Considerar-se-á que o aluno ganhou a partida e menos errou na busca de frações equivalentes , terá entendido o assunto.

Anônimo disse...

Plano de Aula
Turma 4
Disciplina: Matemática
Tema: Conjuntos Numéricos
Aluno do Curso: José Pereira Diniz
Objetivo:
O objetvo básico deste é proprocionar ao aluno a ídéia de vivenciar dia-a-dia em harmônia com as relações sociais na sua casa, escola e comunidade, bem como introduzir a simbologia e a importância dos números matemáticos no meio em que vivemos.

Metodologia:
*Exposição do tema abordado;
*Pesquisas;
*Trabalar atividade discutidas em grupos.

Avaliação:
Avaliar continuamente abservando o aluno em suas ações e idéias expressas no decorrer das atividades realizadas e vivenciadas.
Conteúdo:
*Noções preliminares de conjunto;
*Conjuntos numéricos.

TURMA 11 disse...

Plano de aula- turma 11
Dsciplina: biologia
Público alvo: 1º série
Tema: osmose
Objetivo; Conceituar meios hipertônico, hipotônica e isotônico para então diferenciá-los. Compreender a osmose e como ela atua nas células dos organismos e em nosso cotidiano.
Metodologia: O material apresentado será dividido em três partes, primeiro, exploração dos conhecimentos prévios dos alunos, no segundo, aula expositiva e, no terceiro momento na sala de informática. Tempo: 02 horas/aula.
Avaliação: O aluno será avaliado através de atividades coletivas e individuais.
Componentes:
LEIDE KATIÚSCIA, GLICÉRIO, NEUZA, ELÓI E UBESNIÊ.

Anônimo disse...

Plano de Aula- Turma 11

Disciplina: Matemática

Público alvo: 1º série do Ensino Médio

Tema: Decifrando mapas, gráficos e tabelas ( Funçoes e Gráficos)

Objetivo: fazer com que o aluno se familiarize com o conceito de função, a partir da análise e interpretação de suas várias formas de representação (gráficos, tabelas e fórmulas)

Metodologia: Utilização do módulo Rived onde os alunos podem explorar os conceitos e definições relativos a velocidade, tempo e espaço. Uso de calculadora e anotações em cadernos para verificar os procedimentos de cálculos realizados no momento da realização das atividades.Fazer uso do computador em duplas.

Interdisciplinaridade: Relacionar as atividades realizadas no módulo com as disciplinas de Geografia e Física.

Tempo: 04 horas/aula.

Avaliação: Observar a participação qualitativa do aluno, ou seja,interesse, interação com o colega, assimiliação, habilidades, para depois quantificar o processo.

IDEALIZADORES

Antônio Eudes
Dércio Avelino
Genicleilton
José Cardoso

JOSÉ UBESNIÊ disse...

Plano de aula de Biologia
tema: Genética; A primeira lei de Mendel.
Público alvo: 3° ano do ensino médio da Escola Estadual Rafael Godeiro.
Objetivo: Compreender as experiencias e as explicações dos trabalhos de Gregor Mendel, definir os possiveis genótipos a partir dos fenótipos observados, executar cruzamentos, as caracteristicas que semanifestam-se e asque não se manifestam-se nas gerações, interpretar os resultados obtidos nos cruzamentos, reconhecer através dos trabalhos de Mendel o mecanismo de transmissão das caracteristicas hereditárias.

Recursos:
Laboratório de informática, Material de informação da Rived e sala de vídeo.
Metodologia:
Trabalhei com os alunos no laboratório de informatica para mostrar que os trabalhos de Mendel não se resumia só com as ervilhas, mas sim com outros seres vivos, no caso do exemplo de jacó com suas cabras, executei cruzamentos para mostrar seres dominantes e recessivos, as probabilidades de homozigoto e heterozigoto e os provavéis genótipos dos progestores.
Avaliação:
Trabalho em grupo com os alunos para obter resultados com os cruzamentos obtidos no exemplo de Jacó e suas cabras e executar cruzamentos com casais diferentes.

Turma 2 disse...

Disciplina: Química
OA: Lei dos Gases
Tema: Diferença de densidade de gases

Justificativa:
Certamente cada um de nós já bricou com alguma coisa. Fazer bolas de sabão, além de ser simples e prazeroso é uma atividade prática que podemos usar em nossas aulas, obsevando-as de perto e, verificando como são frágeis e leves. Seguindo esta observação, podemos perceber também que a medida que as bolas flutam seu volume aumenta, isto é, há uma transferência de gases e que o gás transferido é mais denso.

Objetivos:
Mostrar como usar materiais de facil acesso e manuseio, sem ricos, para experimentos quimicos;
Levar o aluno a perceber a densidade dos gases;
observar a solubilidade e densidade dos gases;
Verificar uma reação química.

Material usado na aula:
copo, arame, jarra transparente, água, detergente, vinagre, bicarbonato de sódio.

Metodologia:
Aula expositiva na sala
Uso do AO no laboratório de informática
Aula prática e interativa no laboratório de ciências
Discussão dos grupos sobre a experiência.

Avaliação:
Envolvimento dos componentes do grupo na realização da experiência;
Verificar o desempenho de cada grupo.

Componentes do grupo:
José Luís, Rita, Madalena e Lizandro.

auciélia, carmelita, ozeni disse...

SEQÜÊNCIA DE ENSINO PARA OBJETO VIRTUAL DE APRENDIZAGEM: “TIVE UMA RECAÍDA”


TEMA: A UTILIZAÇÃO DE ANTIBIÓTICOS E A HIGIENE.




PÚBLICO-ALVO

• Alunos do 2 ano do Ensino Médio após ter estudado o reino Monera .


OBJETIVOS

• Compreender aspectos relevantes, tais como: etiologia, forma de transmissão, prevenção e tratamento, relacionados à doenças virais como a gripe e bacterianas como pneumonia e infecção hospitalar.
• Enumerar doenças bacterianas mais freqüentes na cidade enfocando etiologia, modo de transmissão, prevenção e tratamento.
• Relacionar as doenças bacterianas estudadas com as condições de higiene alimentar, condições habitacionais, saneamento ambiental e atitudes individuais, coletivos e institucionais reconhecendo a importância destes para a saúde da população.
• Compreender o mecanismo de ação de antibióticos, reconhecendo seu uso para tratamento de doenças causadas por fungos e bactérias, desmistificando a opinião popular do uso em caso de infecções virais.
• Conscientizar sobre o uso de antibióticos esclarecendo sobre os problemas que o seu uso indiscriminado pode acarretar.
• Compreender o mecanismo de ação dos antibióticos.



RECURSOS

• Esquemas descritivos com ilustrações do modo de transmissão das doenças estudadas;
• Filmadora, máquina fotográfica, data-show;
• Questionários;
• Computadores;
• Pesquisa na internet;
• Objeto virtual de aprendizagem: Tive uma recaída.
• Bulas de antibióticos.





METODOLIGIA


• Aulas expositiva- dialogada abordando meios de transmissão, etiologia, prevenção e tratamento de doenças causadas por bactérias.
• Entrevistas com médicos para compreender como é feito o diagnósticos e tratamento de doenças causadas por bactérias.
• Entrevistas com profissionais da área da saúde responsáveis pela desinfecção de matérias perfurocortantes reutilizáveis, bem como de locais como salas de cirurgia, enfermarias.
• Entrevista com agentes da vigilância sanitária para informa-se das principais medidas de segurança alimentar em locais de venda de refeições e conservação de alimentos desde a sua distribuição a partir de seu fabricante até o consumidor final.

• Conscientizar sobre o uso de antibióticos esclarecendo sobre os problemas que o seu uso indiscriminado pode acarretar.


AVALIAÇÃO


A verificação da aprendizagem será feita através das exposições do conteúdo das entrevistas feitas pelo aluno, bem como, pela utilização do objeto virtual de aprendizagem “Tive uma recaída”, de acordo com as respostas dadas pelos alunos para solucionar a situação problema proposta pelo objeto de aprendizagem.

Divamar disse...

Tema: Labirinto das opera�es
P�blico alvo: Alunos da 1� s�rie do ensino m�dio
Esta atividade desenvolve v�rias compet�ncias no aluno como:
* Expressar-se com clareza, utilizando a linguagem matem�tica;
* Assumir pap�is interdependentes, opostos e cooperativos;
* Desenvolve o racioc�nio l�gico e � prazeroso;
* Revisar as opera�es com fra�es.

- Recurso: l�pis, papel, um tabuleiro, macadores de xadrez ou um gr�o de feij�o.
- Metodologia: exposi�o oral.
- N�mero de participantes: 2
Tempo: 40 minutos.
Na sala de aula, dividir a turma em grupo de 2 e cada dupla joga com a ajuda do professor, tirando as d�vidas que surgirem.